quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

« RIP, 1 ano.» Lembro-me de ti, da pessoa que eras, do que me fazias sentir, do modo puro e sincero que me dizias cada palavra, cada palavra que me ajudou a crescer, a minha infância foi marcada por uma pessoa com um lindo nome, diferente, fora do vulgar, o teu nome minha menina. Lembro-me de cada momento, de cada palavra, de cada conversa que ouvia tua e da minha irmã lembro-me de coisas que ninguém sabe, lembro-me de passear-mos as 3, e lembro-me de ouvir uma coisa que ainda hoje me faz rir “doeu muito”, tudo o que dói ou nunca foi um grande dor (essa), ou então é uma dor até ao fim, até se partir, então e esta dor por te teres ido embora? Essa sim é uma grande dor, e não passa mesmo. Lembro-me como se fosse hoje da tua maneira de resolver as coisas, de encarar os problemas, da tua forma de estudar, de interagir com todos, lembro-me de te interrogar sobre coisas fúteis, poise, eu era pequenina, tínhamos brincadeiras parvas quando andavas no secundário com a minha irmã, dizias palavras tão bonitas, eras perfeita, tinhas aqueles caracóis mais perfeitos e lindos. Se soubesses como eu fico ao recordar tudo isto, tenho tantas saudades, das coisas parvas, de ti, de te ver, de te abraçar, de chamar por ti, de gravarmos em minha casa, de te ver estudar e ir para o teu lado, dos teus beijinhos, dos teus abraços e das tuas festinhas. Lembro-me de dormires em minha casa com a minha irmã e eu acordar feliz por estares cá, lembro-me de ir ao teu quarto, de saber onde guardavas a chave da porta do teu quarto escondida, ai princesa, lembro-me tão bem do teu tapete cor de laranja, de tudo. Se todos os textos valem a pena? Valem mais que a pena, eu consigo expressar-me, e sei que conseguirás sempre sentir vibrações do que sinto, eu aqui em baixo adoro-te mais que muito princesinha.

2 comentários:

filipa margato disse...

adoro *.*

filipa margato disse...

fala de novo no msn que a minha net caiu querida :x